Já tem tempo que encontramos rostos incomuns no mundo da moda, sem definição de sexo. Desde os anos 60, a primeira modelo ícone, a inglesa Twiggy, não tinha traços fortes femininos nem masculinos. Era uma mulher de cabelos curtos e rosto angelical que, quando fotografada com roupas masculinas, passava por um belo homenzinho. E assim surgiu a tendência Andrógina na moda.

O modelo sérvio Andrej Peijic trouxe com ele a nova geração da androginia, protagonizando na última temporada o tal reboliço dos sexos. Magro, loiro e de cabelos compridos (tudo que todas as garotas queriam ser) o exótico modelo registrou sua marca por aqui e deixou seus rastros no Brasil. A nova aposta do mercado andrógino é a modelo Alemã Corinna Ingenleuf, que está sendo comparada ao cantor Justin Bieber e ao ator Robert Pattinson.Next?